quinta-feira, 8 de maio de 2014

Educadores de Chapadão do Céu tecem a trama das ciências no Cerrado e com o Cerrado do Parque Nacional das Emas



Sentir a brisa da manhã e contemplar a névoa que repousa no Cerrado nas manhãs de maio, sem dúvida são experiências a se guardar eternamente. Este cenário foi palco para mais uma edição do projeto A Trama das Ciências e Educação Ambiental com Professores de Chapadão do Céu-GO no Parque Nacional das Emas. Vinte horas representaram muito pouco tempo para se explorar as infinitas possibilidades de desenvolvimento da Educação Ambiental no Cerrado e em cada disciplina representada pelos professores presentes.

 Ideias como Arte e educação no contexto do Cerrado, Reconhecimento e valorização da biodiversidade do Cerrado, Habilidades e enfoque cultural sobre as plantas do Cerrado e até Entrevista Animal foram alguns dos temas elaborados para planos de aula a partir das vivências compartilhadas entre os educadores. Troca de energia com o Cerrado, sorrisos, abraços e círculos que, em força centrípeta, cativavam boas ideias, histórias de vida, boas energias num permanente giro embalado de sons, cores, odores e movimentos do Cerrado. 





Até produtos e serviços foram colocados na roda (Feira de Trocas), em convite ao constante movimento cíclico da natureza que cicla, recicla, prolonga a vida e disponibiliza componentes para a vida.
 


A troca fortalece laços de amizade, estimula a comunhão, tece redes eternas entre pessoas, subverte a lógica do mercado, valoriza pessoas e não "coisas" e promove sorrisos, muitos sorrisos.





Na fala dos participantes cada um se deu conta de algum achado no Cerrado. Algumas frases podem ser acompanhadas a seguir:
Na natureza é que encontro o meu eu... 
Na diversidade é que encontramos unidade... 
Estar no Cerrado é sentir a liberdade de um pássaro... 
No Cerrado, no encontro com a vida, eu posso ser eu...
Conclusão unânime foi a percepção sobre a necessidade de preparação prévia do alunado que pretende visitar o Parque Nacional das Emas. Assim, a trama das ciências veio em boa hora.
Mas não acabou, ainda teremos mais 02 encontros até o fim de 2014. 

Se você é educador(a) e mora em Chapadão do Céu, ainda dá tempo de experienciar cada momento aqui descrito e outros mais que poderão surgir nessa travessia pelo sertão. 
Se informe na secretaria municipal de educação com a educadora Bruna Rengel e garanta sua inscrição. A participação é gratuita. Próximo encontro será na primeira semana de Agosto/2014.



O projeto é empreendido pelo Instituto Mamede de Pesquisa Ambiental e Ecoturismo em parceria com o Parque Nacional das Emas, secretaria municipal de educação de Chapadão do Céu-GO e apoio da Cerradinho Bio.


















Nenhum comentário:

Postar um comentário